a parte que fica na parte de trás

…é amargo o sabor do ódio passeando pela minha boca.
O ódio que nasce nas minhas entranhas, que é tratado como uma parte de mim, lançado ao futuro como um filho que dominará o mundo.
Como é amargo o sabor dessa humilhação, dessa autopiedade.
Como é ridículo o meu amor, se alimenta do ódio.
Engulo esse gosto a longos goles e nada mais além dele passará.
Nada além do meu ódio crescente, nada além da minha sede de violência.
Nada além do seu sangue escorrendo em minhas mãos e pequenos pedaços do seu encéfalo decorando as brancas paredes do meu quarto de sonhos.
Nada além do meu amor.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

6 respostas para a parte que fica na parte de trás

  1. luanrodrigues disse:

    iurru! \o/

  2. tati_voronkoff disse:

    =(
    queria ser capaz de lhe ajudar de alguma maneira, mas não sou.
    saiba que só quero o seu bem.

  3. anonymous disse:

    Nem um trator vai conseguir passar por cima
    Trans-Am Continental 4.3
    É o demonio turbo diesel digger valvulado
    Top fuel nitro metano em cada cilindrada

    desencana man!!!!!!!!!!!

  4. linelamenha disse:

    não cultive esses sentimentos amigo pi!
    liberte-se!

  5. anonymous disse:

    o odio eh uma forma d paixão

  6. anonymous disse:

    ae 3,14 gostei pow…
    espero ter ais tempo pra ler tdo…
    mto interessante ver o q os outros escrevem axo q deixam um pco se si entre as palavras…
    muito bom…
    bjos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s