o 1º dia do ano.

o primeiro dia do ano é apenas mais um depois de trezentos e sessenta e cinco dias, ou trezentos e sessenta e seis. mas sempre há uma mágica, um mistério cercando esse primeiro de janeiro. uma bobagem, uma superstição, uma bobeira, mas que sempre há, em várias culturas. é uma festa, um dia pela paz, um dia pela paz. UM DIA PELA PAZ. apenas um, entendem, não mais que um, afinal de contas, um dia para a paz é o suficiente, não é mesmo?
o primeiro dia do ano é considerado um dia para rever seus conceitos, para começar dietas, para resolver fazer exercícios, para mudar sua vida, pensar melhor, arrumar uma mulher, arrumar um emprego, uma vaga na faculdade, qualquer um desses supérfluos, é um dia para passar com a família, conversando, ouvindo, é um dia para desejar feliz ano novo para todo mundo. é um dia como qualquer outro porque amanhã todo mundo vai esquecer dele.
esquecer que é um novo ano, porque a novidade toda já faz mais de vinte e quatro horas.
dia primeiro de janeiro, faltam 2 minutos para as 21 horas e eu tento ligar para a pizzaria, ams está ocupada.
acho que hoje eu vou passar fome.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

5 respostas para o 1º dia do ano.

  1. anonymous disse:

    ahuahuahuaahuahauahuahua
    eh verdade man

    e eu sugiro uma pizzaria nova ai q eu pedi oto dia, fika na rotary
    pizzaria nova geraçao!
    hauahuahuaahuahuaahu

    flws man! força e honra! o/

  2. anonymous disse:

    dizer que o dia 1 de janeiro é da paz nao quer dizer que ele simbolize por si só o UNICO dia a homenagear a paz …

    rever conceitos: acabei revendo os meus e espero que as pessoas tb as delas…sempre é bom querer tomar atitudes positivas pra si e pras pessoas que estao contigo, do tipow:

    passar fome? sem necessida? só por capricho? tsc tsc

    é isso

    abraços pi…
    e a manjada frase covernation:
    FELIZ ANO NOVO

    ou : FELIZ 2007

    he he

    =)

  3. abrakdabra disse:

    feliz ano novo! 🙂

  4. anonymous disse:

    Ei menino branco o que é que você faz aqui
    Subindo o morro pra tentar se divertir
    Mas já disse que não tem
    E você ainda quer mais
    Por que você não me deixa em paz?
    Por que você não me deixa em paz?

    Desses vinte anos nenhum foi feito pra mim
    E agora você quer que eu fique assim igual a você
    É mesmo, como vou crescer se nada cresce por aqui?
    Quem vai tomar conta dos doentes?
    E quando tem chacina de adolescentes
    Como é que você se sente?
    Como é que você se sente?

    Em vez de luz tem tiroteio no fim do túnel
    Ô, ô Sempre mais do mesmo
    Não era isso que você queria ouvir?
    Bondade sua me explicar com tanta determinação
    Exatamente o que eu sinto, como penso e como sou
    Eu realmente não sabia que eu pensava assim
    E agora você quer um retrato do país
    Mas queimaram o filme, queimaram o filme

    E enquanto isso, na enfermaria
    Todos os doentes estão cantando sucessos populares
    Sucessos populares
    Sucessos populares
    Sucessos populares
    (E todos os índios foram mortos)

  5. anonymous disse:

    FOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOODAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!

    vc entende pq eu acho foda?!

    pq eh foda cara!!!

    a “novidade”, a “paz”,…

    foda!

    feliz ano novo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s