Imagine.

imagine-se num mundo onde tudo o que você conhece não é bem o que você conhece. as pessoas que você conhece, confia, ama, todas elas não são quem você pensa que elas são. pense num mundo onde todos os segredos que você pensa saber sobre as pessoas que te contam segredos não passem de uma simples camada de poeira que você tirou com a ponta do dedo como naquele piano velho que você nunca soube tocar, mas que um dia você quis aprender e se viu atormentado pela incapacidade, pela desafinação.

imagine-se num mundo onde tudo o que você pensa que existe não existe do jeito que você pensou que existisse. um mundo onde o negro não é tão negro, onde o branco não é tão branco, um mundo sem extremos e sem meios termos, um mundo onde a escuridão não é a mera ausência de luz. um mundo onde nada é seguro e nada é certo, onde tudo o que se pode fazer é esperar e esperar até que as coisas que estão ruins piorem e as que estão boas piorem e até que tudo acabe e quando tudo acabar, será o mais próximo de ficar bom que elas vão chegar. e é quando nada de ruim acontece que todos dizem que as coisas boas estão acontecendo.

imagine-se num mundo onde não as pessoas não passam de matéria e sonham que são muito mais que isso, um mundo onde todas elas acreditam piamente serem importantes para o desenvolvimento do universo.

imagine dormir e acordar num mundo assim, cheio de horror, de guerra, de fome, de tristeza, de miséria. imagine viver nesse mundo do momento em que você nasce até o momento em que você morre e não poder fazer mais nada enquanto isso a não ser viver nele.

pare de imaginar. viva.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

8 respostas para Imagine.

  1. Marden disse:

    Pois é.
    É a vida…

  2. Carol disse:

    é isso, e vamos viver!

    gosteei : ]
    beijos!

  3. Tiago (bolusko) disse:

    pi

    com esse texto os irmãos Wachowski se arrependeria de nao ter te contratado antes kkk
    parei de estudar imunologia um instante pra ler he he pow tava com falta de wordpress ultimamente he he

    é isso

    “…você nasce até o momento em que você morre…”
    txaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    flw

  4. Lah Leite disse:

    o bom eh q enquanto eu lia eu pensava “meu irmao, eu conheço esse mundo”

    ;D

    vivamos, pv!

    =***

  5. diogo disse:

    mermao, eu pensava que tu ia começar a duvidar de tudo até chegar a um ponto de uma certeza absoluta, à la Descartes, pra provar tua existencia… ahuahuahuahauhau
    foda, man!

  6. nelsonnetto disse:

    “um mundo onde nada é seguro e nada é certo, onde tudo o que se pode fazer é esperar e esperar até que as coisas que estão ruins piorem e as que estão boas piorem e até que tudo acabe e quando tudo acabar, será o mais próximo de ficar bom que elas vão chegar.”

    eu tinha lido, mas na hora d comentar tinha dado pau.

    tinha achado mais legal da primeira vez q li, mas mesmo assim gostei. só q menos.

    força e hnra man!

  7. Tatii disse:

    ouxe jurava que já tinha comentado nesse texto. ele é legal. mas eu só imagino mesmo, rsrsrs :p

  8. Jú. disse:

    mermão, que foda. fiquei até feliz de viver nesse mundo que eu vivo. ainda que ele tenha algumas coisinhas aí descritas.. mas.. ainda assim ele é ele. 🙂 viverei! :*!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s