"quando eu tinha 20 anos, foi um ano muito bom"

eu posso dizer que foi um ano bom. eu acredito que foi um bom ano. quem melhor que eu para balancear todos os anos da minha vida e saber quais foram bons e quais foram ruins? o ano que acaba hoje foi um bom ano, apesar de tudo. as mudanças desse ano foram verdadeiramente significativas para a minha vida. e tudo pode mudar de novo, pode voltar a ser o como era, mas a ser o que era nunca voltará. há mudanças que os olhos não podem ver, há mudanças que só os olhos podem ver, e há as que nem eu mesmo sei que ocorreram. o ano passou correndo como todos os anos depois que nos acostumamos com a vida. e é tão triste admitir isso, dizer que me acostumei com a vida… ninguém devia se acostumar com ela, ela devia ser sempre cheia de surpresas e reviravoltas, sempre nos enchendo com emoções nunca antes sentidas. mas isso não seria realmente viver.

eu devo muita coisa a muitas pessoas, devo muito a amigos, porque sem eles esse ano teria sido o pior da minha vida. mas não foi. foi um bom ano. um ano de novas pessoas, de velhos convívios, de novas amizades, de velhos projetos tornando-se realidade. esse foi o ano em que projetos saíram do mundo das idéias para se tornarem reais. eu teria tanto a agradecer a tanta gente que acho melhor não falar disso e ir ao mais importante dessa carta: você.

você foi a pessoa que fez cada dia desse ano ter um brilho diferente, especial. e não é que você tenha feito eu seguir em frente ou nada disso, acho que eu seguiria de uma forma ou de outra, mas com você ao meu lado, as coisas difíceis pareciam valer um pouco mais a pena. é difícil de explicar, é difícil até mesmo de se sentir! e é por isso que eu sei que nenhum outro ano será como esse. nenhum outro ano terá nós dois nos falando como dois seres apaixonados no começo de uma grande paixão, nenhum outro ano terá um fim do ano com tanta expectativa quanto esse e um começo de ano seguinte tão grande quanto essa. nenhum outro ano terá você de um lado sentindo saudades e eu de outro sentindo saudades. saudades de um tempo que quase não tivemos, de momentos que quase passaram despercebidos enquanto os vivíamos. nada vai substituir as horas em que estávamos juntos. nada. e é por isso que eu sei que nenhum outro ano será como esse foi. por isso que sei que quando você encontrar essa carta e eu estiver bem longe você entenderá o que se passa comigo. porque temos um passado lindo e é melhor não estragarmos com um possível futuro escuro.

espero que você não fique tão mal quanto eu fiquei. acredito que você sabe lidar com essas coisas do coração melhor que eu… você sempre foi tão realista. e sim, eu sei que tudo isso é egoísta, pode me xingar. peço que não rasgue ou queime minhas cartas, não arranhe meus cds, não tente me esquecer. me desculpe por tudo e… muito obrigado por tudo o que você me deu, jamais poderei esquecer. e nunca esqueça que a única coisa que nós possuímos é nosso passado, foi ele que nos fez quem somos. você foi a melhor coisa do ano, meu bem. mas o ano acabou.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

5 respostas para "quando eu tinha 20 anos, foi um ano muito bom"

  1. Menos pó, menos pozinho
    Né?

    :* chuchu :}

  2. nelsonnetto disse:

    “você foi a melhor coisa do ano, meu bem. mas o ano acabou.”

    no final tudo acaba?

  3. Ludmila disse:

    “você foi a melhor coisa do ano, meu bem. mas o ano acabou.”

    e outro começou… a valsa do tempo é essa aí. aquele velho clichê de todo fim ser um recomeço.

    :*

  4. carol disse:

    acho que a vida é sim cheia de surpresas, mesmo que vc se acostume, sempre tem algo novo, seja bom ou ruim. essa é a animação de viver ;P

    outra coisa.. é como drummond disse, que é essencial que sempre exista esse sentimento de recomeço, a esperança de q tudo vai ser melhor, etc. do contrário que graça teria comemorar novo ano. nenhuma né?! a esperança é como se fosse uma ilusão, mto necessária. 😀

    primo, gostei demais! deu pra viajar bastante!
    beijo

  5. Lah disse:

    “nelsonnetto Diz:
    Janeiro 1, 2009 às 1:41 am

    “você foi a melhor coisa do ano, meu bem. mas o ano acabou.”

    no final tudo acaba?”

    é, eu acho que no final tudo acaba. mas é por isso que tudo tem começo tbm, pra gente esquecer do fim.

    ;*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s