novembro.

novembro veio com seu dia dos mortos e me proporcionou mais um feriado em casa. uma alegria só. depois o retorno aos fatídicos estudos, se esforçando para tirar o atraso de todos os assuntos passados e conseguir fazer uma prova satisfatória que viria logo.

aí ele continuou com o ritmo do ano e passou rápido. e isso foi bom porque ele precisava acabar.

então fiz a prova e provei a mim mesmo – e a todos que quiserem ver e achar que isso é uma prova – que para passar nessa faculdade não é preciso ir às “aulas”.

depois dessa prova, descansar e receber em casa a visita maravilhosa da namorada. que alegria, não é mesmo? apresentá-la à vida triste que levo em recife e o único lugar que me consola, a livraria cultura. apesar de que a levei para sair com amigos num programa mezzo de índio mezzo divertido.

depois que ela foi embora, o mês acabou, não havia mais nada a não ser se preparar para dezembro e o retorno triunfal ao lar e às férias.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s