Arquivo do mês: setembro 2011

o irmão.

Lembro a noite em que ele foi embora. Pediu suas coisas ao pai e foi. Duas sacolas de pano penduradas às costas, seguindo o caminho de terra que levava embora daqui. Ele precisava sair, me explicou; queria saber do mundo, … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 4 Comentários

do começo e da continuidade.

eu não lembro com que idade eu me tornei capaz de identificar letras, formar e unir sílabas lidas e transformar toda essa simbologia em algo lógico, fazendo com que tudo tivesse sentido. sei que desde cedo me vi rodeado por … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 3 Comentários